Com a chegada do calor, naturalmente aumenta o consumo dos gelados. Decidi fazer um sorvete de pitanga baseado na receita do sorvete de amora. Uma das mudanças foi que utilizei 10% a mais de polpa de pitanga, já que tem cor muito mais suave do que a amora. Acho até que poderia ter usado mais do que 10%. A outra mudança é que não fiz um purê adocicado da fruta, usei a polpa in natura. Isso se deve ao fato de que as pitangas estavam bem doces, ao passo que as amoras estavam em sua maioria mais azedinhas. Resumindo: utilize a receita do sorvete de amoras, substitua o purê pela polpa de pitanga, acrescentando pelo menos 10% a mais de fruta, pesada sem caroço.

O melhor de tudo é que a pitanga foi colhida em 3 árvores próximas de casa. Fui fotografar uma delas na calçada de uma casa e encontrei a dona colhendo pitangas e consumindo ali mesmo. Pedi autorização para fotografar e ela, muito gentil, me autorizou, além de me oferecer a fruta e ainda me deu um saquinho para colher. Conversamos todo o tempo da colheita, falei do blog e ela me disse que era uma pena não saber antes, pois tem uma jabuticabeira que deu uma floração linda e eu podia ter fotografado…
Quando estava saindo, ela me disse pra voltar daí a 3 dias, porque o pé estaria novamente carregadinho de frutos vermelhos.
A pitanga me recorda muito a infância no sítio do meu avô, no interior do Rio de Janeiro. De sabor tão peculiar, cor forte e formato tão delicado!


(clique para ampliar)

A pitanga é nativa do Brasil. É uma frutinha agridoce, pequena, a maioria em torno de 1,5 cm de diâmetro, embora existam maiores. Sua cor varia do alaranjado ao vermelho quase preto.
A madeira da pitangueira é empregada na confecção de ferramentas e outros utensílios agrícolas.A pitangueira pode alcançar 10 metros de altura.
Eugenia uniflora L. é seu nome científico. Pitanga vem do tupi-guarani – pyrang – e significa ‘vermelho’. Da fruta são feitos sucos, doces, geleias, licores, sorvetes e conhaques.
Para quem não conhece, observe que o caroço é grande, proporcionalmente ao tamanho da fruta.
Você sabe o que significa a expressão “chorar as pitangas”? Significa chorar tanto, até ficar com os olhos vermelhos, de acordo com o Guia dos Curiosos.

Dados: Guia dos Curiosos e Globo Rural.

Flor da pitanga

Flor da pitanga

Foto: Maria de Lourdes Ruiz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
p5rn7vb
Pinterest

ATENÇÃO!

Para copiar o post (impressão ou pdf), visualize à esquerda o menu suspenso vertical e clique no ícone da impressora (último).

33 Respostas para “Sorvete de pitanga”

  1. Que novidade! Nunca provei sorvete de pintanga, deve ser muito saboroso e perfumado, excelente adaptaçao.
    Um grande abraço
    Léia

  2. Un helado exquisito, con ese sabor tan rico de la ceresa.
    Que tengas un buen fin de semana.

  3. Nossa, minha pitangueira tá cheia…mas acho meio amarga…como faço pra tirar essa cica?
    e como faz, bate com caroço e tudo?
    Adorei a dica, pois pitanga é o que não falta aqui, mas nunca vi tão roxinhas como essas da foto, acho que os passarinhos não deixam chegar a esse ponto.
    Bjs

  4. Pergunta idiota que eu fiz…claro que é com caroço….como vai tirar caroço de uma fruta q praticamente só tem caroço…?
    Bjs

  5. Gina seus sorvetes são incríveis!!!
    Pitanga também me lembra infância. Minha avó morava num sítio e tinha tudo que é fruta! Morro de saudade das pitangas, gabirobas e jabuticabas!!!
    Que delícia ter frutas assim bem pertinho, aqui não tenho NADA! Mas logo me mudo p/ uma casa, embora o quintal sendo pequeno vou plantar umas coisinhas!!!
    Bjs

  6. gostei..gostei mesmo..a cor é linda!!sorvete nesse calor..é tudo de bom amiga..bjus

  7. Gina,
    Que belo sorvete! As fotos me lembraram o azedinho das pitangas e isso me fez salivar!
    Parece-me que você ganhou uma amiga, hem?
    Beijinho e bom fim de semana!

  8. Gina, você leu meus pensamentos…vi polpa de pitanga hoje no supermercado e só não trouxe pois estava sem térmica no carro e não vinha direto para casa..!
    Minha mãe fez outro dia esse sorvete e desde então estou com água na boca para fazer!
    Amo pitangas!
    Na minha infância inteira colhemos nos terrenos perto de casa!
    Humm!
    Beijos!

  9. Gina,
    amei!! o post ficou divino, imagino o sabor…bjs

  10. Adorei, Gina !
    As fotos estão todas lindas….

  11. Gina,
    Fico impressionada com a variedade de frutas e flores que você encontra próximo à sua casa. As fotos da pracinha com as cerejeiras em flor estavam lindíssimas! Você pode divulgar onde fica esta praça?
    Moro em Curitiba também, próximo ao centro, portanto não tenho este privilégio…
    Hoje ganhei uns 2 kg de amoras vindas do quintal de um amigo. Vou fazer sorvete e o que sobrar, geléia.
    Parabéns pelo seu blog, eu o visito diariamente e adoro saber das suas "descobertas". Já reproduzi várias das suas receitas…sendo a de pãezinhos de batatas a minha preferida.
    abraços,
    marlene

  12. Gina,
    Disso eu nunca comi, mas já tinha ouvido falar.
    Bjs e bom fim de semana

  13. Léia, foi a primeira vez que experimentei sorvete de pitanga. Já tinha provado o picolé.

    Anna, esse é um daqueles sabores da nossa terra e muito peculiar.

    Glorinha, você me fala da cica, não sei o que fazer quanto a isso. O fato é que a fruta tem essa característica que não sei bem explicar, que agrada a uns e não agrada a outros.
    Você conhece a Angela do blog Ora, Pitangas? Quem sabe ela pode te ajudar no cultivo da sua pitangueira. Veja aí nos comentários o blog dela.
    Ahá! Não bato com caroço, tiro um a um, fazendo um corte para facilitar a retirada. Penso que se bater vai deixar gosto amargo. Não foi uma pergunta tola, viu?
    A mais escura é variedade que nunca vi também, só conheço do alaranjado ao vermelho forte.

    Tatiana, sinto falta desse espaço no quintal também.

    Iliane, acho que nunca fiz tanto sorvete seguidamente, como agora.

    Marly, apesar dessa frutinha ser meio azeda, essas estavam docinhas e só final você sente um pouquinho. Dá vontade de comer uma atrás da outra.

    Verena, ê coisa boa colher frutas no pé. Somos todos saudosistas de uma coisa ou de outra.

    Angela, ora, pitangas! Como não iria gostar desse post…rsrs! Tem muita pitanga por aí? Só tem um pé na redondeza que ainda tem.

    Monica, obrigada! Recebi seu e-mail, já vou responder.

    Marlene, encontrar frutas e flores depende também do nosso "olho clínico". No dia a dia, muitas vezes saímos de casa com um objetivo, às vezes com pressa e não olhamos ao nosso redor, mas as flores estão lá… Curitiba tem essa característica de largas calçadas e canteiros no bairros.
    Puxa, fico contente por saber que tenho você como seguidora diária e que já fez várias receitas. Aquele pãozinho de batata é bom demais.
    Faça o sorvete de amora e só ponha mais açúcar do que recomendei, se as amoras estiverem muito azedas, ok? Ontem fiz novamente sorvete de amoras, estou aproveitando um pé derradeiro.
    Quanto à pracinha, me mande um e-mail que podemos conversar melhor.

    Beijos a todas!

  14. Um sorvetinho caseiro é melhor que estes comprados prontos com certeza. Pelo menos sabemos o que colocamos lá dentro.
    A pitanga tem um formato muito bonito. Eu acho que já provei, mas não me recordo do sabor. Nunca vi para vender no mercado.
    Bjs :)

  15. Menina, adoro pitanga! Um dos meus primeiros desejos de gravidez (estou com quase 5 meses!:)) foi comer pitanga, das bem vermelhinhas! Ai que delícia né? Mas infelizmente não consegui matar a vontade… fica pra próxima! rsrs
    Esse seu sorvete ficou lindo e totalmente "babante"!!!!

    Um bJ!

  16. As pitangas são lindas!!! Tenho pena de nunca ter provado mas tem super bom aspecto :)
    Que bom que a senhora te deu permissão para colher. Isso é muita gentileza ;)

  17. Lindas fotos e um texto muito simpático! Não fosse isso o bastante, o sorvete deve estar delicioso!!!

  18. Tem coisa mais gostosa que pitanga? pra mim tem gosto de infancia, já que faz tempo que não as tenho visto!
    Posso sentir o aroma daqui, verdadeira delícia!

  19. Gina,
    Que sorte a sua de achar frutas perto da sua casa, não?
    O sorvete está com 'cara" ótima.
    Beijos.

  20. Pronto lá vai minha dieta para segunda feira…de novo…
    Não dá para resistir amiga…
    este é o verdadeiro…
    lindo, cheiroso e gostoso…

    beijos…

  21. Gina,

    que lindas as pitangas. Pitangas também são parte da minha infância e adolescência. Eu cresci numa casa com uma pitangueira linda e minha rua toda vinha comer pitangas no nosso jardim pois o nosso pé dava tantas frutas que não acabava mais e na época tudo o que se fazia com elas era comer in natura.

    Se elas estavam doces você foi premiada pois em geral elas são tão azedinhas.

    C.

  22. Ha quanto tempo nao como pitanga. Que delicia de sorvete

  23. Gina, este ano não a safra foi muito pequena, como me vô dizia um ano muita fruta outro nais devagar. bjs

  24. Moira, se a fruteira não se adapta a outros climas, a única forma de chegar a lugares distantes seria como polpa congelada. No Brasil, pelo que pesquisei, a escala comercial dessa fruta só se dá no nordeste.

    Cláudia Lima, o sabor da pitanga não é comparável a nenhuma outra fruta. É um mistura de azedo/doce.

    Grazy, desejar frutas fora de época é um problema. Não há papai que consiga resolver isso.

    Ameixa, também achei a senhora de uma gentileza incrível.

    Marina, obrigada pelo incentivo.

    Rê, é uma pena que não consigamos mais ter acesso a frutas que consumíamos quando crianças com facilidade.

    Heloísa, vem mais fruta da rua nos próximos meses. As fruteiras estão florindo.

    Zininha, o que pega nesse sorvete é o creme de leite, né? Ainda que seja light…

    Cláudia, tive sorte mesmo com as pitangas docinhas. Ainda há frutas no pé da senhora que mencionei no post, e muita!

    Sylvia, seja bem-vinda!
    Quem não tem uma pitangueira em casa, acaba ficando na mesma situação que você, tendo o sabor como parte do passado.
    Só agora as pitangueiras me chamaram atenção, até o ano passado não tinha reparado. Meu marido me informa quando encontra algo que possa me interessar, sejam plantas para fotografar ou frutas.
    Volte sempre.

    Beijos a todas!

  25. Na empresa está nascendo acerola, acho que vou de gelado com elas em sua homenagem hehehe
    Bjsss

  26. a árvore está linda, bem carregada !! Vou ter que procurar por aqui, pra ver se acho uma assim, e vou copiar a sua receita de sorvete pra poder fazer !!!
    Essa semana fiz uma bavaroise de framboesas, depois posto no blog

    bjks

  27. Aaaaamo pitanga!!! Além de achar que é uma frutinha linda!!

  28. Agora fiquei imaginando o sabor desse sorvete, que alias ficou com uma cor linda. Seu post tambem me remeteu aos sabores da infancia bem vivida subindo em arvores e comendo a frutas no pe. Saudades!
    Mas cada lugar tem suas coisas (diferentes) e boas a oferecer, neh!

    Beijos

  29. Pitanga é uma frutinha que eu amo, pena que não há interesse comercial nela, ficaria mais fácil para quem não tem o privilégio que vc tem…
    Sem contar que é uma fruta linda!
    Amei sua receita!
    Beijinhos

  30. Oi,
    Pensar que tinha muitos pés de amoras em casa no ES!!!
    Quando se tem muito perto nem se dá tanto valor… mas gosto muito e saboreei bastante, sem contar com o lance da serventia pra "menô"…
    Muito delicado seus posts, parabéns!!!
    Bjm

  31. Nana, quero vr seu sorvete de acerola!

    Angela, a safra da nossa vizinha foi boa esse ano então, uma beleza!

    Vivian, se fizer, depois me conte o que achou.

    Talita, concordo plenamente.

    Odete, bom para quem teve a oportunidade de viver uma infância feliz assim, né?

    Tânia, andei pesquisando e Pernambuco é o Estado que mais comercializa a pitanga.

    Rosélia, que legal ter os pés de pitanga em casa!
    Lembra de saborear pitanga quando crianças?

    Beijos a todas!

  32. gosto muito de fazer geleia de pitanga e de suco também, é uma delícia. Experimente vc também.

    • Pitanga é uma fruta que me agrada demais, de sabor único e que me traz boas recordações da infância. Pena que por aqui no sul não há abundância dessa fruta, para fazer geleia, que deve ser divina mesmo.
      Um abraço.

Deixe uma Resposta

(requerido)

(requerido)

Você pode usar essas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

© 2014 NacoZinha - Blog de culinária, gastronomia e flores - Gina Tema Suffusion personalizado por Gina
Pinterest
Email
Print