Tag Archives: Anchieta

Cacau do Espírito Santo

Cacau (Theobroma cacao)

Cacau do Espírito Santo

O cacau (Theobroma cacao) é oriundo da Amazônia, segundo pesquisas recentes.
Dentre os vários produtos, é matéria-prima para a produção do famoso chocolate.
Provei pela primeira vez a polpa do cacau lá no Espírito Santo. Adorei o sabor doce!
O melhor mesmo foi ver a plantação, saber do processo de secagem da amêndoa e prová-la. Acompanhe nas imagens a seguir. Continuar lendo

Comida no fogão à lenha e os encontros

Emboacica - fogão e forno à lenha

Relembro minha penúltima passagem pela roça, quando mostrei o quitungo; o fogão à lenha no quintal, a descoberto; a simplicidade; o aconchego.
Voltei ao local recentemente e presenciei as mudanças ocorridas em um ano. Munidos de repelente, disposição e entusiasmo, levei também um pão feito com soro de leite.
O fogão adentrou o galpão do quitungo, ganhou forno, lenha especial, que não deixa fumaça no interior.
O dia na pequena comunidade de Emboacica, Anchieta (ES), teve muita comida no fogão à lenha e mais um encontro para ficar na história. Continuar lendo

Peroá, um peixe típico do Espírito Santo

Peroá frito

Pego meu prato e vou pra varanda para fotografar, enquanto minha mãe se diverte com minha mania de tirar fotos de pratos…rs!
Em minha última estadia pelo litoral capixaba não podia deixar de saborear esse peixinho típico, o peroá, também conhecido como porquinho.
Vendido inteiro e limpo, normalmente em pacotes de 3 quilos. As cabeças minha mãe separou para fazer cozidas e o corpo virou um prato muito saboroso, o peroá frito!
Fomos, minha mãe e eu, buscar o nosso peixe diretamente no Mercado Municipal de Anchieta (ES), na beira do porto.
Mostro abaixo um pouco mais desse lugar, nas belas imagens, onde as garças estão sempre presentes, acompanhando o pescado. Continuar lendo

Compota de toranja

Compota de toranja

Minha mãe ganhou duas frutas, presenteadas como cidras. Ao cortar, surge a dúvida. Elas tinham cor avermelhada.
Entre alguns palpites no Instagram e efetuada uma pesquisa, descubro tratar-se de toranja.
O destino seria fatalmente uma compota, uma vez que a fruta é de um teor de azedume e doçura estranhos ao paladar. Acompanhe o passo a passo e aventure-se em preparar essa compota de toranja, que tem o mesmo processo de outras frutas da família dos Citrus, como a laranja-da-terra e a cidra.
A compota foi feita por minha mãe, de 84 anos, com muitos doces em calda em sua bagagem.
Continuar lendo