Tag Archives: Araucária

Entrevero de pinhão

Entrevero de pinhão

A vida nos surpreende com pequenos acontecimentos que podem fazer um bem enorme à alma. Outro dia remeti pinhão para uma amiga blogueira, a Patrícia Lopes. Ela ficou tão feliz e emocionada, que fez questão de divulgar numa rede social. Qual não foi a minha surpresa, quando um dia depois, mudo de residência e, ao chegar, recebo da zeladora um pacote de pinhão, colhido na nossa calçada! Ela ficou sabendo pelo meu marido do meu gosto por essa semente.
O entrevero de pinhão é um prato rústico, comida de tropeiros, consumido geralmente com arroz e farofa. Já tinha feito um à minha moda, mas esse é o autêntico entrevero e foi a primeira refeição feita na minha nova residência. Que maneira mais feliz de estrear minha nova cozinha paranaense!! Lembrei do entrevero que comi em Santa Catarina, na Serra do Rio do Rastro. Posso garantir que ficou tão bom quanto! Continuar lendo

Canudinhos de massa de pastel de chocolate

Canudinhos de chocolate

Quando vi a Carla, do Brisando na Cozinha, publicar aqueles consagrados canudinhos recheados com doce de leite, lembrei-me dos canudinhos de metal que tenho há um bom tempo sem uso. Foi o mote para adaptar totalmente a ideia, aproveitando uma massa de pastel de chocolate que tinha em casa. Uma sobremesa simples, que me deixou satisfeita com o resultado. Já tinha uma ganache pronta, um mix de castanhas, bastou usar a criatividade e adicionar umas frutas e pronto!

Continuar lendo

Pierogi de ricota e batata

O pierogi de ricota e batata é um prato polonês, que conheci em Curitiba, quando vim morar na cidade.

Muito fácil encontrá-lo nas feiras gastronômicas espalhadas pela cidade, nas festas polonesas e nos municípios vizinhos, onde estão algumas colônias desses imigrantes.
Nesse outro post já falei um pouco sobre os “polacos”, que formam a maior comunidade do Brasil aqui no Paraná.

mosaico_arauc_naco

Em 2007 fiz um passeio integrante do turismo rural, chamado Caminhos de Guajuvira, em Araucária, a 27 km de Curitiba.  Juntamente com duas amigas de um curso de jardinagem, visitamos o Museu Tingui-cuera, que possui um acervo de objetos de trabalho e das casas dos antigos moradores da colônia. Fomos ao Memorial Polonês (casa amarela),  a uma venda de secos e molhados de 1958, onde saboreei uma deliciosa torta de requeijão. Pena não ter tirado mais fotos à época.
Visitamos uma chácara de colhe-pague (pêssegos) e venda de licores e de lá partimos para uma chácara com estufas de flores. Continuar lendo