Tag Archives: castanha portuguesa

Como fazer farinha de castanha portuguesa

Como fazer farinha de castanha portuguesa

Como fazer farinha de castanha portuguesa

Não fosse a facilidade que tenho para colher castanhas e a atual safra já ter me rendido mais de 5 kg em apenas 15 dias, certamente não me aventuraria em fazer tantas experiências e receitas variadas com essa semente. Apesar do valor nutritivo, o custo no Brasil geralmente é alto.
Aqui no sul a castanha portuguesa é usada na urbanização, daí o fácil acesso.
No meu quarteirão temos 4 castanheiras, algumas mais jovens, mas todas produzindo.
Algumas receitas pedem a farinha de castanha, não o purê, e encontrá-la não é tão fácil, por isso vale a pena fazê-la. Continuar lendo

Bolo de castanha e chocolate

Bolo de castanha e chocolate
A safra de castanhas portuguesas começou por aqui. Já fiz um pudim e esse bolo de castanha e chocolate é a segunda receita.
Nem cheguei a comê-las apenas cozidas, como é a forma mais habitual.
Tenho conversado muito com as pessoas sobre elas, o acesso que tenho às sementes, a forma de preparo e outras curiosidades.
Minha mãe costuma cortar uma pontinha e apenas cozinhá-las com um pouco de sal. Já as portuguesas, por vezes, colocam erva-doce na água.
O fato é que são gostosas e ricas em nutrientes.
Hoje mesmo estava colhendo castanhas junto com uma senhorinha e, ao final da colheita, dei a maior parte para ela, afinal não é tão fácil abrir os ouriços espinhosos e retirar as sementes. Continuar lendo

Castanhas portuguesas fritas

Castanhas portuguesas fritas
Tenho o privilégio de morar numa cidade que produz castanhas portuguesas, uma tradição de consumo no natal, que vem desde a minha infância. Quem mais gostava dessa castanha era minha mãe, que não se importava com o trabalho de descascá-las, só para ter o prazer de saboreá-la.
Desde 2009 tenho feito muitas receitas com essa castanha, em vez de utilizá-la apenas cozida, como minha mãe fazia. A primeira foi o marrom glacê, uma verdadeira pérola da doçaria, embora trabalhosa. Mas foi em janeiro de 2015, plena safra por aqui, que comecei a ganhar muitos quilos de castanha de uma vizinha. O resultado foi uma sucessão de pratos, a maioria doces, feitos com essa “iguaria” (veja os links abaixo). Para minha surpresa, mudei de residência ao longo de 2015, mas o novo endereço me reservou quatro castanheiras na redondeza!! A “saga” continua… Dessa vez são as castanhas portuguesas fritas. Leia mais