Arquivos da Categoria: Bolos e bolinhos

Scones de passas

Scones de passas

Durante o tempo que passei com minha mãe, no litoral capixaba, volta e meia visitávamos parentes e levávamos algum prato, doce ou salgado, pelo simples prazer em oferecer algo feito por nós.
Já tinha feito scones com cranberries, mas esse ingrediente não é comum encontrar em cidades pequenas.
Também não tinha cortadores. Nada que impedisse de fazê-los, usando a boca de um copo como cortador.
Improvisos à parte, o importante é que levamos para um cafezinho em família esses scones de passas, que foram apreciados por todos. Continuar lendo

Bolo de castanha e chocolate

Bolo de castanha e chocolate
A safra de castanhas portuguesas começou por aqui. Já fiz um pudim e esse bolo de castanha e chocolate é a segunda receita.
Nem cheguei a comê-las apenas cozidas, como é a forma mais habitual.
Tenho conversado muito com as pessoas sobre elas, o acesso que tenho às sementes, a forma de preparo e outras curiosidades.
Minha mãe costuma cortar uma pontinha e apenas cozinhá-las com um pouco de sal. Já as portuguesas, por vezes, colocam erva-doce na água.
O fato é que são gostosas e ricas em nutrientes.
Hoje mesmo estava colhendo castanhas junto com uma senhorinha e, ao final da colheita, dei a maior parte para ela, afinal não é tão fácil abrir os ouriços espinhosos e retirar as sementes. Continuar lendo

As coisas simples da vida

As coisas simples da vida

Ir para cidades pequenas e conviver com costumes que vão ficando perdidos no tempo, em zonas urbanas mais povoadas, é resgatar preciosidades.
Fui visitar minha mãe, que vive numa cidade com menos de 30.000 habitantes.
Bolo na mesa nunca falta, para receber os que vêm de longe ou de perto. E nada de bolo pequeno. Bolão, para atender a muitos, que podem chegar a qualquer momento, sem aviso, sem telefonema, apenas pelo prazer da visita.
Vivi a experiência, já em desuso, de ver chegar um grupo de seis pessoas na casa da minha mãe, que foram rever os amigos e parentes vindos de outros Estados, além de conhecer minha netinha. Assim, sem aviso prévio, tipo “Ô, de casa!”
As cadeiras vão surgindo, a sala ficando cheia. A conversa rola solta, as crianças brincam no chão.

Bolo mármore

O bolo mármore

Sorrateiramente, a mãe vai pra cozinha e prepara café para a turma e parte o “bolão”, satisfeita. Um bolo mármore.
Assunto e muito riso não faltam, que a vida não é feita só de siso…
Depois de muitos beijos e abraços, lá se vão os amigos, nessa troca de boas energias.
Celular ou rede social jamais alcançam tamanha façanha! Continuar lendo